sexta-feira, 8 de março de 2019

QUINTA DA PELLADA - O HOMEM E O LUGAR


Entender os vinhos de Álvaro de Castro é do mais fácil que existe. Basta levá-los à boca e tudo fica cristalino. Eles vibram, pulsam. São cheios, múltiplos e ao mesmo tempo leves e frescos. São grandes vinhos. Mas para explicá-los, é preciso levar em consideração dois fatores primordiais: o homem e o lugar.


Nenhum comentário:

Postar um comentário