terça-feira, 18 de fevereiro de 2014

Conhecida pela mostarda, Dijon investe parte do orçamento da cidade em vinhedos


Conselho da cidade investe 1,3 milhão de euros em compra de vinhedos


A cidade de Dijon, na França, apesar de já conhecida pela mostarda, está tentando criar sua imagem como centro vitivinícola. O conselho da cidade anunciou que comprou 160 hectares de fazendas e vinhedos com o objetivo de “consolidar o status e imagem de cidade vitivinícola”. A cidade é capital da região da Borgonha, uma das mais famosas da França.

A aquisição do Domaine de la Cras representa o investimento de 1,3 milhão de euros na área. O vinhedo foi plantado em 1983 ao oeste da cidade e tem oito hectares de vinhas. O tamanho do vinhedo pode ser aumentado em 13 hectares sob supervisão da prefeitura. A gerência da propriedade vai ficar a cargo de Marc Soyard, gerente do Domaine Jean-Yves Bizot em Vosne Romanée. “A cada ano a comunidade vai produzir 2 mil garrafas. Os rótulos mostrarão que o vinho é feito em Dijon que recentemente foi nomeada ‘cidade da gastronomia’”, apontou uma declaração da prefeitura. Na parte de fazenda, o concelho da cidade pretende apostar nas trufas, pomares e plantas medicinais.


Fonte: http://revistaadega.uol.com.br/

Nenhum comentário:

Postar um comentário