terça-feira, 29 de janeiro de 2013

Cultivar plantas aromáticas perto de vinhedos influencia aroma dos vinhos


A Universidade Juan Agustín Maza, na Espanha, e o Engenheiro agrônomo Antonio Mas de Finca, descobriram que cultivar plantas aromáticas perto de vinhedos transfere aromas às vinhas. O cultivo conjunto de algumas espécies potencializa o aroma natural da variedade e se incorpora ao vinho.

A pesquisa descobriu que essa reação é causada pelos componentes voláteis dessas plantas, que em certos horários, com temperaturas mais altas, se desprendem e acabam sendo captadas pela casca da uva.

Os cientistas testaram plantas aromáticas, como rosas emanjericão, e perceberam que cada uma delas influência de forma diferente o aroma de variedades viniferas. "Algumas delas, misturadas à variedades tintas (Malbec e Cabernet) ou brancas (Chardonnay) acentuam não só o aroma, mas também a cor e o gosto dos vinhos", explica o relatório da pesquisa.

O relatório continua dizendo que essa pesquisa é importante para avanços naturais nos vinhos. "Permite se aproximar do conhecimento de como influenciar o terroir e dar um passo para tirar proveito do tipo genético da variedade. Dessa forma, obtém-se uma diferença no terroir e, como conseqüência, no vinho".


Fonte: http://revistaadega.uol.com.br

Nenhum comentário:

Postar um comentário