domingo, 8 de julho de 2012

Pesquisa diz que beber vinho pode aumentar inteligência



Os amantes do vinho já têm inúmeros motivos para mostrar porque a bebida traz benefícios para a saúde e desperta as mais diferentes emoções. Agora, uma nova pesquisa desenvolvida pelo Centro Nacional de Estudos do Envelhecimento do Japão indica que doses moderadas de vinho podem aumentar a capacidade mental.

De acordo com a pesquisa, as pessoas com mais de 40 anos que bebem vinho de forma moderada obtêm melhores resultados em testes de inteligência que os grandes bebedores, os que bebem esporadicamente e os abstêmios. Para as pesquisas o resultado apontou que a bebida pode ajudar no processo de envelhecimento.

“O álcool protege certas funções mentais contra o processo de envelhecimento, o que significa que também influi na inteligência”, disseram os autores da pesquisa, que foi publicada no jornal Tokyo Shimbun.

O estudo foi realizado com duas mil pessoas durante quatro anos. Aqueles que bebiam em média três copos de vinho conseguiram nos testes de inteligência um resultado médio de 108 para os homens e 106,2 para as mulheres.

Entre os abstêmios, no entanto, os resultados médios foram de 104,7 para homens e 103,7 para mulheres. Os mais baixos índices de QI ficaram para os grandes bebedores.

Os cientistas informaram que pensam ampliar o estudo, para comprovar se os bebedores moderados de outros tipos de álcool, como gim ou cerveja, conseguem resultados semelhantes.



fonte: CNN

Nenhum comentário:

Postar um comentário